Beleza tem Idade?

Há algumas semanas atrás, eu estava dando uma última olhada no Instagram antes de dormir e me deparei com a Capa Digital da Vogue Singapura do mês de fevereiro de 2021, que instantaneamente capturou minha atenção. Três lindas mulheres abraçadas de maneira muito afetuosa, sendo que duas delas eram bem jovens, atendendo o perfil da capa de uma das mais famosas revistas de moda do mundo, e a terceira, para minha surpresa, uma senhora linda, porém com perfil totalmente diferente do que a revista normalmente publica.



Imediatamente fiquei curiosa pra saber quem era aquela linda mulher e, graças à tecnologia, encontrei seu perfil e adorei o que vi! Comecei a segui-la e decidi repostar o que ela havia feito há 3 dias com a foto da capa da revista. Para minha surpresa, ela me seguiu de volta, começamos a trocar algumas mensagens até que a propus um bate papo e ela gentilmente aceitou. No final desse texto você pode assistir esse bate papo super inspirador!


Desde então fiquei muito pensativa acerca do conceito de beleza.


Afinal, o que é Beleza?


Segundo o dicionário:

beleza

substantivo feminino


1. qualidade, propriedade, caráter ou virtude do que é belo; manifestação característica do belo.


2. caráter do ser ou da coisa que desperta sentimento de êxtase, admiração ou prazer através dos sentidos.

"a b. das obras de Bach"


Apesar do conceito de beleza estar muito mais atrelado ao caráter e ao sentimento que a algo ou alguém desperta em nós, quando coloquei a palavra Beleza no Google e cliquei em imagens, recebi uma avalanche de fotos com lindas mulheres jovens e magras, salvo raras exceções. Isso só reforça a evolução (será mesmo?) do conceito de beleza e o padrão imposto pelas indústrias da beleza e da moda, e muito bem acolhido pela nossa sociedade.


Quando lancei o Blog, escrevi um artigo sobre como os padrões de beleza da nossa sociedade atrapalham a comunicação que as marcas tentam manter conosco, mulheres maduras - “Que marcas te representam”? Se você ainda não leu, acho que pode gostar.


Será que a beleza é sinônimo de juventude, de um corpo magro e um rosto perfeito? Será que a beleza reside apenas na forma?

Onde entra o conteúdo afinal?


Eu me lembro que na altura dos meus vinte e poucos anos eu adorava o meu corpo! Finalmente tinha chegado à forma que eu desejava, combinando alimentação e malhação. Achava-o perfeito pra mim. Pois bem, aos 26 anos eu engravidei e o corpo que eu tanto amava já não era mais o mesmo. Quando engravidei pela 2ª vez me lasquei! Senti a minha estrutura óssea alargar e o tempo que eu tinha para dedicar à minha rotina de exercícios ir pro espaço. Ou seja, bye bye shape querido.


Se eu gostaria de, aos (quase) 50, ter meu corpo de 20 anos? Lógico que sim! Mas eu estaria disposta a pagar o preço por isso? Não!!! Minhas prioridades mudaram e o conceito de beleza também. Do alto dos meus 49 anos, me acho mais interessante que nunca! Devo isso às experiências que vivi e a segurança e autoconfiança que adquiri com elas. Hoje tenho certeza que o meu corpo abriga a minha alma. E isso pra mim é beleza!


A beleza está em toda parte, mas falando de beleza física, ela nada mais é que a representação do que há dentro de nós. Se a vida é movimento e transformação, com a beleza não poderia ser diferente. Ao longo da vida passamos por várias transformações e quando perdemos o viço na pele, o colágeno, a juventude na aparência, ganhamos a sabedoria e jovialidade na alma. Aprendemos a ser mais conscientes acerca de nós mesmas, do que nos faz bem e do que não nos acrescenta. Não se é sábio aos 20 anos. Sabedoria requer experiência e o custo não é baixo, mas o pacote vale muito à pena! É lindo ver a filha se transformando na mãe e a mãe na avó. Esse é o curso da vida e a beleza reside nesse movimento.


Como estamos no mês onde se comemora o Dia da Mulher e muitas conquistas do universo feminino, resolvi explorar um pouco mais esse tema, a fim de te encorajar a se apropriar da sua essência. A se olhar no espelho e aprender a gostar do que você está vendo. O fato de você ser única já te torna linda! A beleza está dentro de você. Seja generosa com o mundo e projete o seu interior para que todos possam te apreciar.


Voltando à linda Judith, o nosso bate papo foi muito enriquecedor e eu quero te convidar a assisti-lo. Tenho certeza que ela vai te inspirar.